RYBENINHA

RYBENINHA
SINAL: BEM -VINDOS

DÊ-ME TUA MÃO QUE TE DIREI QUEM ÉS



“Em minha silenciosa escuridão,
Mais claro que o ofuscante sol,
Está tudo que desejarias ocultar de mim.
Mais que palavras,
Tuas mãos me contam tudo que recusavas dizer.
Frementes de ansiedade ou trêmulas de fúria,
Verdadeira amizade ou mentira,
Tudo se revela ao toque de uma mão:
Quem é estranho,
Quem é amigo...
Tudo vejo em minha silenciosa escuridão.
Dê-me tua mão que te direi quem és."


Natacha (vide documentário Borboletas de Zagorski)


SINAL DE "Libras"

SINAL DE "Libras"
"VOCÊ PRECISA SER PARTICIPANTE DESTE MUNDO ONDE MÃOS FALAM E OLHOS ESCUTAM, ONDE O CORPO DÁ A NOTA E O RÍTMO. É UM MUNDO ESPECIAL PARA PESSOAS ESPECIAIS..."

LIBRAS

LIBRAS
" A Língua de Sinais é, nas mãos de seus mestres, uma linguagem das mais belas e expressivas, para a qual, no contato entre si é como um meio de alcançar de forma fácil e rápida a mente do surdo, nem a natureza nem a arte proporcionaram um substituto satisfatório." J. Schuyler Long

LIBRAS

LIBRAS
"Se o lugar não está pronto para receber todas as pessoas, então o lugar é deficiente" - Thaís Frota

LIBRAS

LIBRAS
Aprender Libras é respirar a vida por outros ângulos, na voz do silêncio, no turbilhão das águas, no brilho do olhar. Aprender Libras é aprender a falar de longe ou tão de perto que apenas o toque resolve todas as aflições do viver, diante de todos os desafios audíveis. Nem tão poético, nem tão fulgaz.... apenas um Ser livre de preconceitos e voluntário da harmonia do bem viver.” Luiz Albérico B. Falcão

PEDAGOGIA SURDA

PEDAGOGIA SURDA
PROFESSOR BILÍNGUE

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS
“ A língua de sinais anula a deficiência e permite que os surdos constituam, então, uma comunidade lingüística minoritária diferente e não um desvio da normalidade”. Skliar

sábado, 6 de junho de 2015

Canais Disney com legendas para surdos

Os canais infanto-juvenis Disney Channel e Disney Junior legendaram algumas das séries, para que as crianças e pessoas surdas possam entender os programas.
 
Segundo José Serôdio, presidente do Instituto Nacional para a Reabilitação (INR), estava previsto que esta funcionalidade entrasse em funcionamento no próximo ano, mas a Disney Portugal antecipou a data para coincidir com o Dia Mundial da Criança.

A decisão surgiu depois do apelo feito por Rui Pinheiro, um pai que é surdo, aos canais, que queria assistir aos programas na companhia da filha. O pedido foi feito em dezembro de 2014 e gerou uma onda de solidariedade nas redes sociais.
Rui Pinheiro assumiu então a questão como "uma missão" e desafiou várias entidades a apoiarem esta causa, que responderam logo ao desafio. Uma dessas entidades foi INR, que supervisiona as políticas para a deficiência. Entre as séries que receberam legendas estão "Violetta" e "Star Wars Rebels", do Disney Channel, e "Doutora Brinquedos" e "A Casa do Mickey Mouse", do Disney Junior.
José Serôdio lembrou que a RTP tem "desde há muitos anos" o sistema de teletexto que permite às pessoas surdas acompanhar alguns programas que não são legendados, nomeadamente os programas infantis e de informação que não têm intérprete de língua gestual.
"Com o surgimento das televisões por cabo começaram a surgir outras televisões que têm outro tipo de programação", disse o presidente do INR, dando como exemplo o Disney Channel e o Disney Júnior em que, numa primeira fase, as séries eram em inglês e tinham legendagem.
Posteriormente, "com a política de que as crianças devem aprender mais rápido" a Língua Portuguesa, passaram a ser traduzidos e dobrados para português, o que fez com que as crianças surdas deixassem de poder compreender os programas.


Os canais infanto-juvenis Disney Channel e Disney Junior legendaram algumas das séries, para que as crianças e pessoas surdas possam entender os programas.
 
José Serôdio salientou a importância de os programas serem legendados para que possam ser seguidos pelos surdos, mas também por crianças com algum tipo de necessidades especiais.
O INR tem vindo a pugnar junto da Entidade Reguladora para a Comunicação Social para que fossem incluídas nos programas das televisões nacionais a áudio descrição, a legendagem, a língua gestual e a linguagem fácil.
"É um trabalho que tem sido feito nos últimos anos e que tem sido gradualmente introduzido nas diversas televisões de acordo com as disponibilidades", disse.
"Tem havido um grande aumento de língua gestual e da legendagem na televisão pública e que tem sido seguida pelos canais privados. Esperemos que também seja alargada a outros canais e às outras produtoras de programas que estão nos canais codificados", rematou o presidente do INR.

 http://www.jn.pt/PaginaInicial/Nacional/Media/Interior.aspx?content_id=4602830

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI NO BLOG!!!
SEU COMENTÁRIO FAZ TODA DIFERENÇA!!!

Um comentário é o que você pensa, sua opinião, alguma coisa que você quer falar comigo.

BJOS SINALIZADOS.