RYBENINHA

RYBENINHA
SINAL: BEM -VINDOS

DÊ-ME TUA MÃO QUE TE DIREI QUEM ÉS



“Em minha silenciosa escuridão,
Mais claro que o ofuscante sol,
Está tudo que desejarias ocultar de mim.
Mais que palavras,
Tuas mãos me contam tudo que recusavas dizer.
Frementes de ansiedade ou trêmulas de fúria,
Verdadeira amizade ou mentira,
Tudo se revela ao toque de uma mão:
Quem é estranho,
Quem é amigo...
Tudo vejo em minha silenciosa escuridão.
Dê-me tua mão que te direi quem és."


Natacha (vide documentário Borboletas de Zagorski)


SINAL DE "Libras"

SINAL DE "Libras"
"VOCÊ PRECISA SER PARTICIPANTE DESTE MUNDO ONDE MÃOS FALAM E OLHOS ESCUTAM, ONDE O CORPO DÁ A NOTA E O RÍTMO. É UM MUNDO ESPECIAL PARA PESSOAS ESPECIAIS..."

LIBRAS

LIBRAS
" A Língua de Sinais é, nas mãos de seus mestres, uma linguagem das mais belas e expressivas, para a qual, no contato entre si é como um meio de alcançar de forma fácil e rápida a mente do surdo, nem a natureza nem a arte proporcionaram um substituto satisfatório." J. Schuyler Long

LIBRAS

LIBRAS
"Se o lugar não está pronto para receber todas as pessoas, então o lugar é deficiente" - Thaís Frota

LIBRAS

LIBRAS
Aprender Libras é respirar a vida por outros ângulos, na voz do silêncio, no turbilhão das águas, no brilho do olhar. Aprender Libras é aprender a falar de longe ou tão de perto que apenas o toque resolve todas as aflições do viver, diante de todos os desafios audíveis. Nem tão poético, nem tão fulgaz.... apenas um Ser livre de preconceitos e voluntário da harmonia do bem viver.” Luiz Albérico B. Falcão

PEDAGOGIA SURDA

PEDAGOGIA SURDA
PROFESSOR BILÍNGUE

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS
“ A língua de sinais anula a deficiência e permite que os surdos constituam, então, uma comunidade lingüística minoritária diferente e não um desvio da normalidade”. Skliar

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Estudantes e profissionais aprendem Libras para aumentar a inclusão social

130 pessoas foram capacitadas na Língua Brasileira de Sinais (Libras). Curso é um projeto de extensão da Universidade Federal do Amapá (Unifap).

AMAPÁ – Um grupo de 130 pessoas, entre estudantes e profissionais de saúde e educação participaram de um curso sobre a Língua Brasileira de Sinais (Libras). Os sinais básicos da linguagem foram aprendidos gratuitamente durante seis meses.
A iniciativa do  curso ‘Libras para a comunidade’ foi do professor de Libras e educação da Universidade Federal do Amapá (Unifap), Melque Lima. O curso foi realizado pela universidade nos campus de Macapá e Santana, distante 17 quilômetros da capital, de maio a novembro de 2015.
img_5128O curso de Libras é um projeto de extensão universitária e busca promover a inclusão social por meio da promoção do conhecimento sobre a língua dos sinais, segundo o professor. Para ele, essa habilidade ajudará os participantes na comunicação utilizada em diferentes ambientes como no mercado de trabalho, por exemplo.
“A Libras é a segunda língua de expressão no Brasil e também é um componente curricular nos cursos de graduação, no que se refere a licenciatura, e nos cursos de bacharelado. Então, os alunos poderão usar o que aprenderam no curso tanto na relação pessoal e profissional, quanto para a comunicação em geral em beneficio da inclusão social”, explicou Lima.
A estudante de fisioterapia, Naila Soares, de 23 alunos, foi uma das participantes do curso. Ela conta que a língua de sinais já fazia parte do seu cotidiano na comunicação com amigos com deficiência auditiva, e que também vai usar o conhecimento adquirido em sua profissão.
“Eu conhecia apenas os sinais mais simples com a abertura do curso quis aprofundar o conhecimento nessa área. Esse conhecimento é importante em qualquer profissão, pois é um meio de inclusão especialmente na área de educação e saúde”, ressaltou a estudante.

http://www.surdosol.com.br/estudantes-e-profissionais-aprendem-libras-para-aumentar-a-inclusao-social/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI NO BLOG!!!
SEU COMENTÁRIO FAZ TODA DIFERENÇA!!!

Um comentário é o que você pensa, sua opinião, alguma coisa que você quer falar comigo.

BJOS SINALIZADOS.