RYBENINHA

RYBENINHA
SINAL: BEM -VINDOS

DÊ-ME TUA MÃO QUE TE DIREI QUEM ÉS



“Em minha silenciosa escuridão,
Mais claro que o ofuscante sol,
Está tudo que desejarias ocultar de mim.
Mais que palavras,
Tuas mãos me contam tudo que recusavas dizer.
Frementes de ansiedade ou trêmulas de fúria,
Verdadeira amizade ou mentira,
Tudo se revela ao toque de uma mão:
Quem é estranho,
Quem é amigo...
Tudo vejo em minha silenciosa escuridão.
Dê-me tua mão que te direi quem és."


Natacha (vide documentário Borboletas de Zagorski)


SINAL DE "Libras"

SINAL DE "Libras"
"VOCÊ PRECISA SER PARTICIPANTE DESTE MUNDO ONDE MÃOS FALAM E OLHOS ESCUTAM, ONDE O CORPO DÁ A NOTA E O RÍTMO. É UM MUNDO ESPECIAL PARA PESSOAS ESPECIAIS..."

LIBRAS

LIBRAS
" A Língua de Sinais é, nas mãos de seus mestres, uma linguagem das mais belas e expressivas, para a qual, no contato entre si é como um meio de alcançar de forma fácil e rápida a mente do surdo, nem a natureza nem a arte proporcionaram um substituto satisfatório." J. Schuyler Long

LIBRAS

LIBRAS
"Se o lugar não está pronto para receber todas as pessoas, então o lugar é deficiente" - Thaís Frota

LIBRAS

LIBRAS
Aprender Libras é respirar a vida por outros ângulos, na voz do silêncio, no turbilhão das águas, no brilho do olhar. Aprender Libras é aprender a falar de longe ou tão de perto que apenas o toque resolve todas as aflições do viver, diante de todos os desafios audíveis. Nem tão poético, nem tão fulgaz.... apenas um Ser livre de preconceitos e voluntário da harmonia do bem viver.” Luiz Albérico B. Falcão

PEDAGOGIA SURDA

PEDAGOGIA SURDA
PROFESSOR BILÍNGUE

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS
“ A língua de sinais anula a deficiência e permite que os surdos constituam, então, uma comunidade lingüística minoritária diferente e não um desvio da normalidade”. Skliar

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Dicas para quem tem deficiência auditiva e vai prestar vestibular

A leitora Tais Seki enviou umas dicas interessantes para candidatos ao vestibular que têm deficiência auditiva e usam aparelhos auditivos. Como sei que temos muitos jovens por aqui, acho que pode ser bem útil. Dêem uma olhada!
vestibular1
“Oi Paula!
Aqui está uma listinha “simples” de dicas pra quem estiver prestando vestibulares!
  1. Fazer exames de audiometria e pedir laudo médico (dois laudos: um pra deixar em casa e outro pra levar com você nas provas) com a descrição da deficiência (por exemplo: necessita do uso do AASI durante a prova) e CID no ano que estará prestando os vestibulares. Geralmente eles pedem exames recentes de até 1 ano, ou seja, todo ano tem que fazer.
  2. Tire cópias pra enviá-los aos vestibulares (infelizmente há gastos com correios, Sedex ou carta registrada). Não se esqueça de pedir pra enviar com comprovante de envio e recebimento!
  3. Alguns até pedem cópia do comprovante de pagamento da inscrição, então fique atento!
  4. Tem vestibular que dá tempo adicional nas provas em salas especiais, nas quais é mais tranquilo fazer, porque os fiscais são preparados pra atender qualquer dificuldade dos candidatos com deficiência.
  5. Provas realizadas pela VUNESP: é preciso prender os cabelos, deixar as orelhas à mostra! Por isso é aconselhável fazer todos os procedimentos acima, para não ter problema na hora, como pedirem pra tirar os AASIs durante a prova.
  6. Provas realizadas pela FUVEST: tem atendimento diferenciado em sala especial.
  7. Provas do ENEM: na inscrição, tem espaço para declarar deficiência, mas eles não pedem nenhum laudo médico. Eles ligam pra confirmar a declaração e não precisa ser o próprio candidato pra confirmar, pode ser alguém que estiver por perto pra responder. Então deixe avisado se alguém do ENEM ligar.
  8. Provas realizadas pela PUC: também tem atendimento diferenciado e salas especiais.
  9. Provas realizadas pela Comvest: são mais rígidos, eles pedem exames e laudos originais. A prova para pessoas com deficiência, por exemplo, da UNICAMP, é aplicada em Campinas, não tem possibilidades de fazer em São Paulo (para quem mora em São Paulo). Nesse caso, eu acabei não declarando a deficiência auditiva por não querer ir até Campinas, mas fiz a prova com os cabelos soltos, então ninguém viu e se viu não aconteceu nada.
  10. Geralmente quem está prestando vestibulares, faz um monte de provas por aí, então pra se organizar melhor, faça uma tabela com os nomes das universidades, se precisa de exame e laudo, de comprovante de pagamento, se já foi enviado ao correio e o número do comprovante de envio.
 Acho que é “só” isso! Espero que essa listinha ajude vocês! Se alguém souber de mais vestibulares que não foram citados aqui, compartilhe com o blog!”
 
 http://cronicasdasurdez.com/dicas-para-quem-tem-deficiencia-auditiva-e-vai-prestar-vestibular/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+CronicasSurdez+%28Cr%C3%B4nicas+da+Surdez%29

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI NO BLOG!!!
SEU COMENTÁRIO FAZ TODA DIFERENÇA!!!

Um comentário é o que você pensa, sua opinião, alguma coisa que você quer falar comigo.

BJOS SINALIZADOS.