RYBENINHA

RYBENINHA
SINAL: BEM -VINDOS

DÊ-ME TUA MÃO QUE TE DIREI QUEM ÉS



“Em minha silenciosa escuridão,
Mais claro que o ofuscante sol,
Está tudo que desejarias ocultar de mim.
Mais que palavras,
Tuas mãos me contam tudo que recusavas dizer.
Frementes de ansiedade ou trêmulas de fúria,
Verdadeira amizade ou mentira,
Tudo se revela ao toque de uma mão:
Quem é estranho,
Quem é amigo...
Tudo vejo em minha silenciosa escuridão.
Dê-me tua mão que te direi quem és."


Natacha (vide documentário Borboletas de Zagorski)


SINAL DE "Libras"

SINAL DE "Libras"
"VOCÊ PRECISA SER PARTICIPANTE DESTE MUNDO ONDE MÃOS FALAM E OLHOS ESCUTAM, ONDE O CORPO DÁ A NOTA E O RÍTMO. É UM MUNDO ESPECIAL PARA PESSOAS ESPECIAIS..."

LIBRAS

LIBRAS
" A Língua de Sinais é, nas mãos de seus mestres, uma linguagem das mais belas e expressivas, para a qual, no contato entre si é como um meio de alcançar de forma fácil e rápida a mente do surdo, nem a natureza nem a arte proporcionaram um substituto satisfatório." J. Schuyler Long

LIBRAS

LIBRAS
"Se o lugar não está pronto para receber todas as pessoas, então o lugar é deficiente" - Thaís Frota

LIBRAS

LIBRAS
Aprender Libras é respirar a vida por outros ângulos, na voz do silêncio, no turbilhão das águas, no brilho do olhar. Aprender Libras é aprender a falar de longe ou tão de perto que apenas o toque resolve todas as aflições do viver, diante de todos os desafios audíveis. Nem tão poético, nem tão fulgaz.... apenas um Ser livre de preconceitos e voluntário da harmonia do bem viver.” Luiz Albérico B. Falcão

PEDAGOGIA SURDA

PEDAGOGIA SURDA
PROFESSOR BILÍNGUE

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS

QUANDO EU ACEITO A LÍNGUA DE SINAIS
“ A língua de sinais anula a deficiência e permite que os surdos constituam, então, uma comunidade lingüística minoritária diferente e não um desvio da normalidade”. Skliar

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

habitos-comuns-com-os-ouvidos-podem-ser-prejudiciais

 

Escutar é tão automático que só prestamos atenção ao ouvido quando ele dói ou, por algum motivo, não ouvimos direito. “A audição é um dos sentidos da comunicação. Se não cuidar bem do ouvido, ela pode ficar comprometida”, diz o otorrinolaringologista José Ricardo Gurgel Testa, do Hospital Paulista (SP). Então, bora descobrir a maneira correta de higienizar o ouvido e identificar hábitos nocivos  que prejudicam o nosso amigo de trabalhar direito.
CERA É DO BEM?
Engana-se quem acha que a cera do ouvido é sujeira. Ela impede que corpos estranhos, como insetos ou micro-organismos, entrem ouvido adentro e causem problemas. Não à toa, sua textura é pegajosa. “Ao retirála, perde-se uma proteção natural”, avisa o especialista. Além disso, a cera serve como lubrificante para o canal auditivo, evitando ressecamento e lesões.
HASTES FLEXÍVEIS COM ALGODÃO SÓ POR FORA
Elas só devem limpar as dobrinhas da orelha. “As hastes, assim como qualquer objeto pontiagudo (tampa de caneta, grampo de cabelo) podem machucar o canal auditivo”, diz Testa. Em caso de uma escorregadela, o material pode ferir ou perfurar o tímpano (membrana fina como  papel celofane que vibra com o som). Dependendo da lesão, o tímpano se regenera. Além disso, as hastes podem empurrar a cera para dentro, criando um tampão que dificulta ou  impede a audição. Aí, só o otorrino para dar um jeito. Tem mais: o canal auditivo é autolimpante. “A pele dele cresce de dentro para fora. Ao descamar, leva a sujeira para o exterior. Por isso nada de faxinar o ouvido”, conta.
ATENÇÃO!
De acordo com o médico, o uso frequente do secador de cabelo  agride os ouvidos. “Meia hora de escova é um baita trauma sonoro. Use protetores auriculares durante o processo”, diz Testa.
VÁ A UM OTORRINO
Você ouve TV em volume mais alto do que os demais? No telefone, não ouve bem os outros? Acredite, vale visitar o médico.
AI, MEU OUVIDO!
Para Testa, a causa mais comum de desconforto em adultos são infecções por cutucadas. Nas crianças, a causa é o catarro que vai parar no canal auditivo e infecciona. Normalmente, a dor é forte, além da febre. Nesses casos, coloque um pano quente sobre o ouvido para amenizar a dor. Depois, procure ajuda de um médico.

COMO USAR UM FONE
Ouvir música com fone e volume nas alturas  pode comprometer a audição. Vendar o canal auditivo sem escutar nenhum som externo é tão ruim como trabalhar em uma indústria sem proteção. O barulho pode danificar células  responsáveis por transformar as ondas sonoras em estímulos  interpretados pelo cérebro, resultando no som que escutamos. “Como não dói, a pessoa não percebe a perda da audição. Aí, procura o médico tarde”, diz Testa. Deixe o volume na metade. Quem está ao seu lado não deve ouvir o som do seu fone.

http://vivamais.uol.com.br/noticias/viva-saudavel/habitos-comuns-com-os-ouvidos-podem-ser-prejudiciais.phtml#.VnChB7-FBR_

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE AQUI NO BLOG!!!
SEU COMENTÁRIO FAZ TODA DIFERENÇA!!!

Um comentário é o que você pensa, sua opinião, alguma coisa que você quer falar comigo.

BJOS SINALIZADOS.